Análises otimistas para IBOV, TUPY, MGLU e ABEV

Coluna TradingView

Índice Bovespa segue consolidação da semana passada. Analistas se mostram otimistas para ações, confira.

Leandro Sander

Acredito após o padrão de fundo duplo que formamos que as probabilidades irão favorecer um cenário de lateralidade no Indice Bovespa.

E para pessoas que querem ver possibilidades de alta é possível sim, acreditar e traçar alvos para o topo anterior seria uma boa, porem estamos no meio da lateralidade basicamente.

E em lateralidades o bom é comprar baixo e vender alto. Sabendo disso e mesmo assim considerando que a amplitude do movimento ira favorecer operações de rompimento, temos as seguintes figuras. (veja o gráfico dinâmico).

Ductor Marcus

Simetria interessante que há muito tempo não vejo, está armando um canal com falhas e isso pode ser impacto de investidor institucional operando no papel TUPY3.

Estamos em zona de suporte que pode sugerir uma retomada ao preço de 23 e quem sabe a região próxima dos 26 dependendo claro desse último range depender também do tempo e elasticidade do movimento.

Se perder o canal tem como alvo imediato a região dos 16,00, mas acredito que a tendência mais plausível é voltar a subir se mantendo dentro desse range dos 20,00. (veja o gráfico dinâmico).

Patolino

MGLU3 vem testando resistências (26,88 e 25,87) desde 13/10/2021 e não superando. No candle de (26/ 01 a 28/ 01 ) tesamos 26,88 e um claro candle de reversão mostrando a dificuldade de romper 26,88.

Estamos lateralizando entre 26,88 23,10 prestes a testarmos suportes abaixou ou testar resistências acima. A ideia aqui não é advinha para onde vai mas sim estar preparado para os melhores pontos e operação suportes e resistências.

A ideia de identificar os pontos de resistência e suporte para estarmos preparados para comprar ou vender e talvez negociar opções quando o preço toca as resistências ou suportes. Esses pontos podemos usar stops mais curtos e alvos mais longos. (veja o gráfico dinâmico).

Shima Trader

Gráfico ABEV3 fez um forte movimento de alta, podendo ser visto melhor nos detalhes através do gráfico diário à esquerda, mas ainda dentro de um canal de baixa.

Dia 11/03 houve uma tentativa frustrada de rompimento do canal (LTB), tendo voltado para dentro do canal, mas ainda assim sem fortes barras de baixa, pelo contrário, deixando um doji e barras de alta.

Especialmente a última barra, de sexta-feira (19), houve uma tentativa de rompimento da barra do dia 11/03, que mais uma vez conseguiu impedir o avanço dos preços.

Vejo essa como a resistência mais importante a ser vencida no curtíssimo prazo, pois uma alta mais forte é esperada e termos o movimento projetado com alvo nos 16,83. (veja o gráfico dinâmico).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Leandro SanderDuctor MarcusPatolino e Kleber Shimabuku.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próximo Post

Analistas divergem entre pessimismo e otimismo na bolsa

Analistas dizem que Ibovespa perde sua tendência altista com incertezas na política domestica. Mercado sob stress, mas ainda assim os analistas do TradingView enxergam oportunidades. Phillip Carret Apesar dos desafios que o governo brasileiro enfrenta, acreditamos que a privatização de ativos de grandes bancos públicos continua sendo uma alta prioridade. […]
 data-srcset data-srcset