Analistas projetam o tradicional rally de fim de ano.

TradingView

Analistas se mostram positivos sobre a tradicional alta de fim de ano na bolsa Brasileira. Sobre tudo, ainda há temores de dólar alto também. Confira os estudos dos analistas do TradingView.

Leandro Sander

O Dólar já está nessa consolidação por mais de 600 dias.

Nesse exato momento estamos em uma zona de armadilha, todas as tentativas de rompimento falharam até o momento, a estrutura está muito próxima de uma retângulo ou um canal amplo.

Agora caso o ativo venha romper esses topos anteriores, acredito em alvos na zona do topo histórico, e passando dessa faixa de preço dos R$6,00 ai o caminho é livre para subir. Caso ocorra uma possível correção até a EMA 200 sigo otimista com o dólar, agora se o ativo perder essa média é provável que ele vá em busca do suporte marcado em verde na tela.

Alvos e zonas importantes de preço estão em 5958 e 6096. (Veja mais análises sobre Dolar).

Gabriel Fauth

O FOMC decide dobrar o taper para 30Bi, sendo 20 em títulos públicos e privados e 10 para hipotecas. Ainda assim, o presidente do banco indicou que os membros estão inclinados para um aumento na taxa de juros ainda no primeiro semestre. Para finalizar, a ata também sinalizou até 3 aumentos de juros nos EUA até o fim do ano, mostrando que há preocupações com inflação, mas salientando que não é motivo de desespero.

Embora aumento de taxas são normalmente ruins para bolsas, ou para risco, e quanto eu falo risco me refiro a investimentos em países emergentes como o Brasil, o fator de previsibilidade que o presidente vem passando da muita segurança para os investidores planejarem suas posições para 2022, não trazendo pânico e sim novas tomadas de posição (alta nas bolsas).

Ibovespa está em uma longa, firme e simétrica tendência de baixa que está no momento testando seu topo em meados de 110mil. Está um pouco dual os sinais que vejo do mercado, pois temos um sinal positivo vindo da economia internacional, um sinal neutro doméstico e um sinal baixista técnico, então eu trago duas possibilidades

A menos provável é vermos defesa forte nos 110mil dado ao cenário atual de oba-oba pós FOMC. Nessa visão veremos forte barreira em 110mil e o mercado retomaria baixa até o suporte em 103mil.

A segunda hipótese que é a que eu gosto, teremos um rally de fim de ano! Pequeno mas teremos! Vamos buscar 115mil e lá teremos defesa vendedora, a partir desse marco eu acredito em testes nos suportes de 109k e subsequente 103k. (Mais análises sobre o Índice).

Anchieta

O ativo vinha do rompimento de uma LTB (pode-se considerar também como um triangulo. Com as medias alinhadas e resiliente na faixa de preço do rompimento de um topo anterior importante, pode-se considerar um ponto de entrada, já que o ativo está em uma onda de alta. Contudo uma entrada “agressiva” com grandes riscos envolvidos. O melhores pontos de entradas foram no rompimento da LTB; e na confirmação do rompimento da faixa de preço dos 26.90-37 reais, que era uma região importante para configurar fundos acendentes e que oferecia uma forte resistência nos preços.

Contudo, o ponto de entrada (14/12/2021), na faixa de 29.30 -29. 40 reais, por suportar acima da faixa de preço de um topo importante configurado no dia 14/06/2021 e ter as medias diárias 9, 21 e 55 exponencial alinhadas (9 acima da 21 e 21 acima da 55) apontando para alta, que pode ser indicativo do ativo continuar em tendencia de alta e ir buscar os 30.25-30.30 reais e, no prazo maior, buscar o topo histórico.

Lembrando que o ativo já vem de uma alta expressiva e pode “perder força” compradora e ficar alguns dias lateralizado além, nos piores casos, perder sua tendencia, de curto prazo, de alta.

O gráfico semanal ajudou a tomada de decisão, contudo não será discutido aqui, mas sugiro uma olhada no mesmo. O gerenciamento de risco é de cada um, mas estou considerando a demarcação demonstrada no gráfico, buscando uma parcial na fixa de 30.30 reais e levar o ativo até perder sua tendencia de alta. (Mais de GGBR4).

Eco Trader

Como não tínhamos rede social na época nunca saberemos, porem, quem reinventou a aviação seguramente foi a brasileira EMBRAER, aviões de melhor CUSTO, melhor acabamento, tecnologia de qualidade barata e menores, mas, jamais inferiores. Phenom 300, da Embraer, junto do Phenom 300E, foi o jato leve com mais entregas no planeta em 2020, com 50 unidades. O brasileiro deveria se envergonhar por não dar a devida relevância a este orgulho nacional.

Em suma, o que tem movido a ação nos últimos tempos são os seus projetos ambiciosos sobre mobilidade urbana, como o Vtol e Eve, sao experimentais, porem o jeitinho brasileiro há de tornar tal feito uma realidade.

No gráfico de uma hora observamos a ação em 0,618 da extensão do movimento 1 e 2 de Fibonacci e Leque de gann , Precisamos do nível 1 de fibo violado para o mesmo adentrar em uma tendência cíclica, porem Gann em seu ultimo suporte de alta em confluência com 0,618 tenta viabilizar o nascedouro do movimento, mas, confirmações são necessária, principalmente a vitória do preço acima do nível 1. (Veja análise na íntegra).

Caique Stein

Arrival stock apresenta tendência de baixa em todos os prazos operacionais (curto, médio e longo prazo).

Apesar disso, analisando o gráfico semanal do ativo é possível identificar um movimento mais esticado na queda, contando com 6 semanas dentro deste movimento. Além disso, a projeção de queda de Fibonacci do último pivô apresentado, tem como alvo (100%) a região dos 6,93. Vale ressaltar que, muitas vezes as projeções de Fibonacci tendem a funcionar como importantes patamares de suporte/resistência do preço. Dito isso, acredito que seja válido ficar atento nas próximas semanas, por um possível novo sinal de alta (fundo) contra a tendência, próximo dessa região dos 6,90.

Levando em consideração a relação risco x retorno, uma compra próximo do suporte mencionado, tende a trazer um retorno próximo de 45% quando projetado um movimento de alta (seta verde) até a região de resistência mais relevante, em 10,00 (faixa vermelha e seta roxa).

Ao se aproximar deste patamar, é válido começar a ficar atento a uma possível reversão de movimento. Isto é, mesmo que apresente essa valorização de 45%, a tendência ainda será de baixa e o patamar de resistência poderá fazer com que o preço seja barrado e volte a cair a favor da tendência. Dessa forma, um novo sinal de topo descendente (seta vermelha) próximo da região dos 10,00 seria um sinal de saída da recomendação de compra mencionada acima. Caso o sinal negativo não ocorra, e a região de resistência seja superada, uma possível reversão de tendência estará em andamento (seta verde). (Mais ideias de Arrival).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Leandro SanderGabriel FauthAnchieta13EcoTrader e Caique Stein.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próximo Post

A Régua de Wittgenstein - A tendência e os osciladores

Nassim Taleb, no livro, Iludido pelo Acaso¹,  mostra a importância de se decidir assumindo os riscos, mas baseando-se nos fatos. Isto é, não devemos julgar ou avaliar sem informações e fatos. Esse é o drama do juiz no tribunal que, apesar dos fatos, corre o risco de condenar um inocente […]
Tendencia e osciladoresTendencia e osciladores