Semana de compras no curto prazo ou de ajuste de posição

TradingView

Analistas esperam uma semana de retração da onda de baixa no Índice. Compras curtas e reajuste de posição podem ser uma boa ideia essa semana.

Leandro Sander

Aparentemente temos um fundo no Indice Bovespa, em todo o movimento de queda desse canal amplo ou alargamento, me senti muito desconfortável para vender, principalmente por que o movimento em si não construía máximas mais baixas a fim de facilitar uma venda mais clara.

Hoje os vendedores não tem muito espaço para vender mais, afinal vender baixo não costuma ser lucrativo, sendo assim acredito que uma possível realização dos vendedores vai construir ao menos um repique para a zona dos 121mil pontos.

Os vendedores muito provavelmente tem como zona de proteção esse GAP, caso ele seja fechado vai acionar muitos STOPS e jogar o mercado para cima! (Ver mais de Ibovespa).

Feer Trader

Petz segue no canal de alta com alvo na casa dos 32,57, conforme projeção de Fibonacci no gráfico diário.

Além da forte tendência de alta, papel está com um bom volume comprador e segue com as médias de 9 e 20 períodos compradas, além da nova média de 200 períodos, presente desde o fim do mês passado. Preço rompeu mais uma máxima ao final do último pregão com alta de 3.41%.

Analisando o atual contexto, tudo indica ser um bom momento para pensar em entrada no papel. (Análises PETZ3).

Grafistas

Temos duas situações: o primeiro, é o sinal da agulhada e o segundo é a confirmação. Sendo que, só entramos depois da confirmação.

Veja a PRIO3 no Didi Index a média mais longa e a mais curta se cruzaram. Mas estão acima da média do eixo zero. Só haverá confirmação, quando a média mais longa (amarela) cruzar abaixo da média do eixo zero.

Você tem que pensar o seguinte: na alta a mais longa precisa estar abaixo do eixo zero e a mais curta acima. Na queda, a mais longa acima do eixo zero e a mais curta abaixo. Elas podem se cruzar acima ou abaixo do eixo, mas só há confirmação quando as duas estão no lado que precisam estar. (Mais sobre PRIO3).

José Renato CNPI-T 2704

Temos as ações MGLU3 em movimentação muito semelhante a VIIA3 (Via Varejo), porém ainda mantendo sua base da movimentação de alta. Caso esse região se mantiver forte, uma possível oportunidade de compra seria após o rompimento do R$21,30 (base da última perna de baixa) montando uma beartrap.

Para qualquer compra na Magalu é fundamental que a estrutura de canal estreito seja quebrado, Caso isso não aconteça o ativo pode buscar o topo rompido no R$15,02. (Análises Magalu).

Gabriel Fauth

A ação está negociando próximo da resistência de 122.8, onde sofre uma intersecção da máxima da regressão linear, a resistência do topo de volume e da exaustão pós alta de 15%. Em resumo, temos tudo para encontrar defesa vendedora e realização de lucros nesse preço. A verdade é que o preço vem subindo vagarosamente com pressões vendedoras, seria natural ver um pressão de venda ao bater nesse ponto.

Em contra partida, se houver rompimento temos uma ótima noticia para os comprados. Mostrar força compradora nesse ponto deve levar a TSLA stock a testar a próxima resistência em 138,7, subindo +15%. Para tal, suponho que o suporte de 114 pode ser uma boa opção de compra na retração para quem acredita no rompimento. (Ver mais da BDR Tesla).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Leandro SanderFeerTraderGrafistasJosé Renato CNPI-T 2704 e Gabriel Fauth.

Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próximo Post

Mercado doméstico começa a indicar alta enquanto mercado estrangeiro renova máxima.

Enquanto o mercado global está renovando máximas, o mercado doméstico lida com crises internas, mas sinaliza recuperação nesta semana. Leandro Sander O contexto do gráfico do S&P500 segue de alta, e no meu ponto de vista estamos construindo uma 5°onda em diagonal, famosa cunha ou wedge. Tivemos uma onda 4 de […]
 data-srcset data-srcset