Terça-feira de mercado tenso na B3

Coluna TradingView

Incertezas da crise do COVID permanecem paerando no ar, setores de turismo e varejo sofrem. Discussões internas trazem alguma volatilidade para o mercado nacional. Confira o que estão pensando os analisas do TradingView.

Edson Santos

No gráfico diário do Indice Bovespa, podemos verifica uma grande resistência na altura 106K, que coincide com dois topos de Julho/19 e Setembro/19, além disso existe uma área de congestão entre o 106k e 110k. A volatilidade nesses últimos dias continua grande, devido aos cenário global referente ao COVID e descoberta da vacina, além da previsibilidade do impacto econômico que podemos enfrentar pós pandemia.

Enquanto não há definições de continuação da tendência sigo buscando oportunidades para apenas uma semana, mercado sendo puxado por papeis PETR4 e ações ITSA4, por exemplo. (veja o gráfico dinâmico).

Andarilho

papel BRPR3 está andando de lado há mais de 6 meses sem nenhuma definição de tendencia. No entanto ao que tudo indica ele está se preparando para o início de uma tendência de alta.

A MA200 está sendo testada e já mostrou ser resistência na semana passada, no entanto os preços não caíram de forma expressiva. Pelo contrário, estão se concentrando em uma pequena zona muito próxima da MA 200.

Os indicadores da nuvem ainda não estão alinhados para alta, no entanto caso o preço rompa a MA 200, a nuvem futura irá se tornar positiva, a linha de conversão ficará acima da linha de base. A Chikou já está livre e desimpedida. (veja o gráfico dinâmico).

Pedro Amorim

ativo CIEL3 vem de um canal de correções complexas, agora rompendo média, linha de tendência, 50% da ultima perna e construindo força na contra tendência.

Porém, o papel encontrou uma barreira na faixa dos R$4,00 (início da ultima perna). O papel agora tenderá a uma lateralidade devido a mudança de ciclo, algo que se ocorrer é provável que seja entre o R$4,00 e R$3,20.

Caso o papel faça o rompimento dessa lateralidade nos R$4,00 um alvo razoável e ponto em que vendedores terão interesse é o R$4,42, que é o 50% de TODO o ciclo anterior.

R$4,42 é um bom ponto pra venda dado que a distancia entre topo-fundo é a mesma (50%) e se tem a maior probabilidade devido o movimento anterior, isso colocaria o SEMANAL e outros tempos maiores em um canal de correções complexas. (veja o gráfico dinâmico).

Fagner Vidal

Existe um mundo em que os preços da MGLU3 estão sendo negociado em uma deriva, pois há divergências baixistas em todos os osciladores da tela, além do engolfo no semanal, cheio de volume . Ainda, o papel já fez seu rally de recuperação pós ‘crash de março’. Muita realização e realocação de recursos para as blue chips que ainda não tiveram a sua retomada no preço.

Particularmente, eu gostaria de estar errado e que os preços fizessem um toque na parte inferior do “canal” e retomasse a tendência (veja o gráfico dinâmico).

Disclaimer: As análises aqui apresentadas são apenas estudos. Elas não são recomendações de investimento, nem de compra nem de venda, tampouco refletem a opinião do veículo de mídia na qual estão sendo divulgadas. São estudos direcionados a pessoas com conhecimento e experiência no mercado financeiro.

Nossos Autores: Edson SantosAndarilhoPedro AmorimFagner Vidal.

Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próximo Post

Insights da semana na B3

Nesta quinta-feira o papo vai ser sobre o Ibovespa, Magalu, Via Vajero, Embraer e IPOs da NASDAQ. Confira os estudos dos analistas do TradingView. Hugo Carpegianny Hoje foi um dia de leve queda no Ibovespa, queda bem tímida de 1,05% com baixo volume financeiro. Como a bolsa brasileira já está em alta por três […]
 data-srcset data-srcset