Gap de Quebra : análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

Gap de Quebra

Fonte: Stockcharts

Gap de Quebra

São os mais interessantes. O preço sai de seu intervalo normal ou de sua área de congestão. Uma área de congestão é um intervalo no qual o ativo tem sido negociado nos últimos dias, semanas ou meses. O limite superior costuma funcionar como resistência, e o inferior, como suporte. O rompimento desses limites requer muito entusiasmo por parte dos investidores. Os volumes têm de aumentar significativamente, inclusive porque o próprio rompimento do limite gera mais negócios. Os vendidos têm de cobrir posição e os comprados são obrigados a sair vendendo. Mas o melhor cenário é aquele em que os volumes só aumentam após o rompimento. Assim, há mais chance de continuação da tendência com força. Se for para baixo, o nível de quebra, que antes era suporte, agora vai ser resistência. Na quebra para cima, a antiga resistência vira suporte.

Não caia na armadilha de achar que um gap desses, com volume, será fechado prontamente. O fechamento pode demorar muito para acontecer. Admita que uma nova tendência se estabeleceu, e adapte-se logo ao novo cenário. No próximo exemplo, vemos que os preços respeitaram o suporte de 41 dólares por 2 meses. Quando ocorreu a quebra, para baixo, foi com grande volume.

Tipos de Gap: Gap de Quebra

Uma boa forma de checar a robustez de um gap é ver se ele está associado a algum padrão gráfico conhecido. Se um triângulo ascendente romper para cima teremos uma oportunidade de negócio bem melhor do que se o furo na congestão ocorrer isoladamente, desassociado de qualquer padrão. O gráfico abaixo mostra o desenvolvimento de um típico triângulo otimista (topo reto, linha de base com tendência ascendente). O rompimento ocorreu para cima, da maneira clássica.

Tipos de Gap: Gap de Quebra

Seu nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
E-mail do seu amigo:
Sua mensagem (opcional):
Nome: Seu Email: (não será Publicado)
Site: (opcional)
Nofiticar por e-mail novos comentários neste tópico.

 
Publicidade

O mercado é tão complexo quanto o gênero humano mas operar nele é tão simples quanto comprar barato e vender caro. Assim mesmo, erramos. Veja como evitar isso...

A Bovespa divulga em seu site a volatilidade histórica dos ativos. Entretanto, para facilitar, criamos esta tabela onde é apresentada a volatilidade histórica dos principais ativos, de forma a permitir as comparações entre respectivos períodos e ativos.

Aposentadoria do INSS: Neste texto você descobre, de fato, quanto perde com o INSS e quanto poderia ganhar administrando a sua aposentadoria você mesmo de forma bem simples.

Somos fascinado pelo o sucesso. A força psicológica da vitória é tão grande que exageramos os ganhos e escondemos as perdas nas bolsa de valores e em outros afazeres. Embora a realidade numérica seja outra, pois em todos campos de atividades existem mais perdedores do que ganhadores...

Aproveito a oportunidade para lançar uma breve discussão sobre os swaps, uma modalidade de aplicação financeira pouco utilizada no Brasil mas que nos afeta diretamente.  Swap significa troca, nesse caso, de  dois ativos com retornos e riscos diferentes. Atualmente esta havendo uma grande reversão dos swaps de moedas que, de forma célere, revela-se bastante nefasta para muitas economias...