Volatilidade Implícita das opções

|Danilo Coscioni| 2

Série: Curso sobre Derivativos, Mercado Futuro e Mercado de Opções: A Volatilidade Implícita das opções

Compartilhe

Volatilidade Implícita das opções

A opção pela volatilidade implícita (vis-à-vis a volatilidade histórica) foi, de longe, a que apresentou melhores resultados de aderência quando confrontada aos dados empíricos.

Parte-se da concepção de que os pregos de mercado das opções constituem as melhores peças de informação de que se dispõe na avaliação da volatilidade, admitindo-se por principio que o mercado, na média, estima o preço corretamente, e leva em conta todo tipo de informação e expectativas em relação ao comportamento futuro do ativo – coisa que as volatilidades históricas não são capazes de fazer.

Para estimá-la, basta que se resolva o modelo escolhido para precificação para a volatilidade, considerando o preço de mercado da opção como dado. A qualidade da estimativa dependera, é claro, da adequação do modelo de precificação adotado ao tipo de opção utilizada. No caso deste trabalho optou-se pelo modelo de Black & Scholes. A solução do modelo para a volatilidade, contudo, só pode ser obtida numericamente, através de interações sucessivas, pois não é possível isolar s na equação que fornece o preço da opção.

Mercado de Opções, leia mais

Danilo Coscioni
Últimos posts por Danilo Coscioni (exibir todos)
Compartilhe

2 comentaram sobre “Volatilidade Implícita das opções

  1. Olá @Wilson,
    Existem outros pontos importantes sim, como por exemplo, alteração de volatilidade, e theta da posição.
    O ideal é estressar essas condições no simulador de opções que já mostrará os resultados possíveis em cada cenário.

  2. Iniciante em opções conheci alguns modelos de travas e as gregas. Bem, algo que me deixa na dúvida é de como posso escolher a melhor opção? entendi que as gregas influenciam também na opção, direcionando qual tendência a dar exercício.Ex: melhor para o Delta próximo a 50. Bom para escolher a opção, devo somente observar as gregas e analisar o gráfico do ativo, traçando médias móveis, volume, etc… Ou existe outras formas de analisar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próximo Post

Operando Opções com posições neutras

Série: Curso sobre Derivativos, Mercado Futuro e Mercado de Opções: Operando Opções com posições neutras

NULLNULL