Estratégia de opções: Mesa (condor)

Danilo Coscioni

Série: Curso sobre Derivativos, Mercado Futuro e Mercado de Opções: Estratégia de opções: Mesa (condor)

Compartilhe

Estratégia de opções: Mesa (condor)

A estratégia mesa, ou “long call condor“, também é uma operação alvo, consiste na soma de uma trava de alta e uma trava de baixa, mas diferentemente da borboleta não há interposição de strikes, ou seja, as vendas são em strikes diferentes.

Exemplo: +1000 PETRC36 -1000 PETRC38 -1000 PETRC40 +1000 PETRC42

O risco máximo é a quantia paga, enquanto que o retorno máximo seria 2000 menos a quantia paga. Nessa operação, ao saltar strikes, aumenta-se a faixa de ganho e o custo (risco), enquanto o retorno máximo se mantém fixo em 2000. Portanto aqui o operador aceita um risco maior que o da borboleta em troca de uma faixa de ganho maior como alvo da estratégia.

Nesta posição, também temos dois pontos de equilíbrio próximos às duas pontas compradas, respectivamente: R$ 74,00 e R$ 82,00.

Ponto de Equilíbrio = preço de exercício da opção comprada + valor pago na montagem>Ponto de Equilíbrio = +1000PETRD74 + R$ 700,00>Ponto de Equilíbrio = R$ 74,00 + R$ 700,00 = R$ 74,70>Sabemos que acima de R$80,00 até R$ 82,00 temos o segundo ponto de equilíbrio:>Entre R$ 80,00 e R$ 82,00 sabemos que (X+ R$ 700,00) = R$ 2,00>Resultando em X = R$ 1.300,00>Ponto de Equilíbrio = R$ 80,00 + R$ 1.300,00 = R$ 81,30

Acima de R$ 74,70 até R$ 81,30 teremos algum lucro, no exercício.>Abaixo de R$ 74,70 e acima de R$ 81,30 teremos uma perda máxima de até R$ 700,00,.no exercício.

Mercado de Opções, leia mais

Danilo Coscioni
Últimos posts por Danilo Coscioni (exibir todos)
Compartilhe

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Próximo Post

Estratégia de opções: Borboleta Assimétrica

Série: Curso sobre Derivativos, Mercado Futuro e Mercado de Opções: Estratégia de opções: Borboleta Assimétrica

NULLNULL