Forum Bovespa Bolsa de valores, Analise Tecnica, Ações, Opções, Investimentos, Ibovespa : análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

 
Publicidade

Dizem que os chineses definem crise com dois caracteres, perigo e oportunidade. Em escrever sobre a crise econômica atual o autor corre muito risco e pouca oportunidade de apresentar algo concreto para o leitor. Dito isto, e sem querer contrariar a verdade chinesa, proponho alguns considerações sobre a crise econômica mundial...

Há uma grande discussão nas universidades que já perdura por algum tempo sobre a racionalidade e a eficiência dos mercados. Os temas são complexos e importantes para quem deseja investir e quer saber se o preço de uma determinada ação está alto ou está baixo...

Em qualquer atividade econômica, e especialmente nos mercados financeiros, opera-se procurando diminuir os riscos dos negócios. Operar com ações que se parecem boas, mas não acompanham o mercado, é lidar com lobos solitários. Estes podem ser perigosos, mas não

Somos fascinado pelo o sucesso. A força psicológica da vitória é tão grande que exageramos os ganhos e escondemos as perdas nas bolsa de valores e em outros afazeres. Embora a realidade numérica seja outra, pois em todos campos de atividades existem mais perdedores do que ganhadores; mesmo assim, não gostamos de lembrar das perdas...

Para apreciação de alguns e, talvez, irritação de outros, os gráficos e plataformas de operação são instrumentos valiosos para se acompanhar os mercados financeiros. Não consigo me afastar desses instrumentos...

Relutamos na hora de escolher uma ação porque existe um conflito mental e natural entre o útil (necessidade) e o agradável (o prazer). O cerne da solução é conciliar os desejos emocionais de tal modo que não contrariem a racionalidade financeira...

O mercado é tão complexo quanto o gênero humano mas operar nele é tão simples quanto comprar barato e vender caro. Assim mesmo, erramos. Veja como evitar isso...

O conteúdo exposto aqui, sejam integrantes do Investmax ou não, são apenas opiniões e não são sugestões e indicações de operações. Cabe a cada um fazer sua análise e tomar suas próprias decisões.
Em um outro forum fechado onde participo.....teve um amigo que apresentou a seguinte situação.
Todo mês ele lança o valor em opções (coberto) tipo um salário mensal.
Ex. que o mesmo deu.....lançamnto e 10k opções a 1 real = 10k.......
Pra ele lançar tando a petr4 a 33 ele teria que ter 330k......o mesmo informou que sempre lança strike acima....
Pegunta isso é possivel?

Abs

Danilo (446 posts) respondeu em 26/05/2009 06:56:00
Domenico a sua pergunta está respondida nesses dois artigos sobre venda coberta:
Dicas para operações de Venda Coberta
Como saber corretamente a taxa para operações com Venda Coberta.

Lá é comentado os valores que são factíveis de se obter.
E os artigos tb destacam que predefinir regras do tipo "sempre venda a primeira OTM", isso no longo prazo não funciona.

boa leitura, espero que goste, qualquer coisa depois comente aqui ou no próprio artigo.
abç
domenico (139 posts) respondeu em 26/05/2009 19:29:26
Boa noite Danilo
Legal vou ler e comentar aqui no forum para todos aprenderem...

Abs
domenico (139 posts) respondeu em 26/05/2009 20:54:41
Li o texto recomendado, achei fundamental para aqueles que querem saber um pouquinho mais ou melhor ainda, para aqueles que querem saber realemnte oque estão fazendo...muito bom

Att
Danilo (446 posts) respondeu em 27/05/2009 07:25:59
Que bom que gostou, fico realmente contente que lhe tenha sido útil.

grato pela participação.

comprei 300 petr4 a 29,90 fiz um lançamento coberto de 300 petre28 a 1,89......quanto ganhei?
já sei que se o valor da ação for superior a 28 serei excercido.

Agradeço desde já a atenção dada

Danilo (446 posts) respondeu em 26/05/2009 06:27:42
provavelmente vc montou essa operação em separado devido aos valores, mas vamos lá:

lembrando que o valor de strke da petrE28 foi de 27,66.
então: 300 x 29,90 vc gastou nas petr4 R$8.970,00
com as vendas das petre28 vc recebeu 1,89 x 300 = R$567,00
Então na soma das duas operações vc gastou 8.970 - 567 = R$8403.

Realmente a no dia do vencimento a petr4 estava acima do valor de exercício, então vc teve que vender as petr4 por 27,66 cada (valor de exercício da E28);
logo vc recebeu 27,66 x 300 = R$8298.
como vc gastou R$8403 e recebeu R$8298 o resultado final desse exemplo é um prejuízo de R$105,00.

Esse exemplo mostra como é importante simularmos antes as condições e cenários possíveis antes de montarmos.
domenico (139 posts) respondeu em 26/05/2009 19:32:55
é isso mesmo,
foi exatamente essa a conta que fiz, claro incluindo corretagens e impostos.
atulamente utilizo sua tabela e faço lançamentos acima do strike evitando o exercicio, mas isso tambem depende do preço que paguei nas ações.....
Danilo, muito, mas muito bom mesmo

Obrigado

Uma prgunta vc conhece o Jorge Guerra?
Danilo (446 posts) respondeu em 27/05/2009 08:04:50
não, não o conheço.

mais uma vez grato pelo elogio.

Boa noite ,
Por favor alguem poderia dar um exemplo prático de ATM, ITM e OTM?

Agradeço

Danilo (446 posts) respondeu em 26/05/2009 06:04:12
Isso é uma abreviação em inglês cujo a tradução para o português seria:
No dinheiro,Fora do dinheiro e Dentro do dinheiro, respectivamente.

No dinheiro é uma opção que possui seu valor de strike igual ao preço atual da ação objeto;
Fora do dinheiro, preço de strike acima do valor da ação;
E dentro do dinheiro, preço de strike abaixo da ação;

ps.: Strike é o valor estabelecido para o exercício de cada opção.

exemplos
preço de petr4 a 32 reais
No dinheiro: PETRG32 (valor de exercício R$32)
Fora do dinheiro: PETRG34 (valor de exercício R$34)
Dentro do dinheiro: PETRG28 (valor de exercício R$28)
domenico (139 posts) respondeu em 26/05/2009 19:35:03
Danilo,
Cara otimos exemplos.....tenho certeza que minha duvidas são de muitos e isso irá ajudar aos frequentadores desse forum....

Parabens cara

Abs
Danilo (446 posts) respondeu em 27/05/2009 07:31:22
Grato pelo elogio,

Em breve teremos ainda mais conteúdos na seção de aprendizado e artigos.

Grande Danilo,

Curiosidade vc é o Charada que participa do projeção, obrigado pelas informações sobre opções da petr4

Danilo (446 posts) respondeu em 25/05/2009 12:01:10
Olá psb,

não, sempre qdo me apresento em outros site, me apresento como Danilo do investmax, ou apenas Investmax.

duvida de iniciante:

vendo opção qq sem ter ações......(venda descoberta).

no meio do caminho compro as ações,

fico coberto automaticamente?

Danilo (446 posts) respondeu em 25/05/2009 07:11:57
Na prática sim. Lembrando que em teoria a liquidação das ações leva 3 dias, porém hoje são poucas as corretoras que não permitem VC sobre ações em processo de liquidação. Dependendo da sua corretora, talvez vc tenha que solicitar que ela faça a troca de garantia da margem na CBLC, trocando a garantia anterior pelas novas ações.

att.,
domenico (139 posts) respondeu em 25/05/2009 18:44:22
se vc recomprar as opções da mesma série sim....mas tem que ser a mesma quantidade

boa noite, o que acham dessa operação de venda de volatilidade para remunerar carteira de ações
para quem tem 700ações da petr4

lançar coberto 700 opções petrG36 por 0,86
comprar 100 opções petrG28 por 6,00
montando a operação no zero a zero.
a faixa de lucro com as opções seria muito grande.
ou seria melhor comprar ações da petrobras no fracionario com o dinheiro recebido com o lançamento coberto

Danilo (446 posts) respondeu em 25/05/2009 07:56:43
O exemplo que vc deu, é uma boa operação, depende do que estamos esperando da ação e do seu perfil, pois ela apresenta vantagens e desvantagens (como qualquer outra operação).

vamos dar um exemplo, pra arrendondar vamos considerar petr4 a 33.
primeiro se vc comprar mais ações (que é uma atitude mais conservadora), vc poderia comprar 18 ações com esses R$600.
na operação descrita, a qtde de ações que vc poderá adquirir dependerá do preço que a ação da petr4 tomará até o vencimento.
Se petr4 ficar abaixo de 34 vc poderá comprar menos ações do que agora, sendo que se ela ficar abaixo de 28, vc não terá nada para poder comprar.
se ficar acima de 34 vc poderá comprar mais do que as 18 ações, sendo o melhor se ela estiver exatamente 36, nesse caso vc poderá comprar 22 ações.
Se ela passar de 36, vc ou será exercido, e vai lucrar a taxa, mais o ganho das 100 F28, ou vai ter que zerar a posição, porém até 37,40, só a posição de opções dá lucro, fruto da compra das 100 F28, a partir daí vc estará com a operação de opções no prejuízo, por exemplo, com petr4 a 40 vc teria que tirar 1560 do bolso para zerar a posição de opções, claro que teria lucro das ações (porém vale uma obs. que essa condição está melhor que uma simples venda coberta sem as f28), mas se vc não quiser desfazer das ações vc tem que zerar a posição de opções. Mesmo que vc faça uma nova operação na outra série (o que o pessoal chama de rolagem), a operação da série G terá sido negativa para vc.

Conclusão:
Fazendo essa operação vc estará se dispondo a correr um risco um pouco maior, em troca de poder ganhar um pouco mais tb.
1. Se suas análises apresentam uma boa probabilidade para petr4 dentro do objetivo que lhe apresenta maior lucro, pode ser uma boa fazer, pq não.
2. vc tb pode usar o simulador de opções para analisar as possibilidade de lucro com as opções antes do vencimento, assim vc não precisa esperar o vencimento caso a sua operação apresente um lucro favorável antes do vencimento, e poderá saber esses possíveis pontos antes com a ajuda do simulador, isso dá uma enorme diferença já que vc pode aumentar suas possibilidade de saber se tem como fechar a operação com lucro, mesmo antes de montá-la.

att.,

Como trocar os pontos pelo acesso do simulador???

Danilo (446 posts) respondeu em 23/05/2009 22:05:18
Basta clicar em contato, escolher a opção "trocar pontos".

não esqueça de informar o mesmo e-mail do cadastro e informar tb se quer trocar 800 pontos por 5 dias ou 1500 pontos por 30 dias.

att.,

quais as vantagens e o risco de lançar uma opção e travar comprando uma opção da serie seguinte, sem pagar para montar a operação
por exemplo:

venda 1000 petrG 36 por 0,80
compra 1000 petrH 28 por 0,80

Danilo (446 posts) respondeu em 23/05/2009 06:08:02
Olá e.cavalieri,

Eu gosto muito desse tipo de operação, principalmente pq a maioria das pessoas não gostam, e por esse motivo aparecem boas oportunidades.

Na verdade não é que não as pessoas não gostam, na verdade elas não possuem uma ferramenta para analisar com precisão o valor da posição se quer para o primeiro vencimento, como é comum nas outras operações.
Foi esse tipo de operação que na verdade me motivou a desenvolver o simulador de opções, apesar de aqui no simulador do site esse tipo de operação ainda não estar disponível, a versão desktop que tenho para uso pessoal faz.

Esse tipo de operação é conhecida como operação de calendário, em especial essa que vc exemplificou (creio que vc se referiu a H38 e não H28) eu apelidei de "tenda", simplesmente pq seu resultado apresentado num gráfico parece o formato de uma tenda de circo.
Ela tem mais ou menos o objetivo de uma operação alvo, onde o ganho máximo é obtido no primeiro vencimento com o ativo no preço do strike vendido nessa série.
Com a ação em queda não há muito lucro, mas tb não há mt perda, basicamente é o que realizou na montagem da operação, normalmente é isso mesmo, fica zero a zero, ou se paga um pouco ou recebe um pouco e esse será o resultado.
O risco fica por conta de uma alta forte antes do primeiro vencimento, pois a primeira série ganha gamma e delta com bem mais facilidade, e é ai que está o perigo pois as pessoas não sabem calcular qual será a perda máxima se a ação subir muito.
Veja esse video para vc ter uma ideia melhor do que estou falando:
Operação de calendário com opções

Se vc comprasse o mesmo strike (H36, por exemplo) não teria risco para uma alta forte, pq a primeira série mesmo com a característica de ganhar mais gamma e delta nunca vai superar a série seguinte no mesmo strike , porem passaria a ficar com o risco de uma queda, mas nesse caso é bem mais fácil calcular a perda máxima que seria o valor pago para montar a operação.

Normalmente esse tipo de operação é vantajoso quando há uma boa diferença de volatilidade entre as duas séries, sendo a maior a da venda, claro.

Veja o video que vc vai perceber um pouco melhor a concepção dessa operação. Mas se não souber calcular a perda máxima, coloque um stop bem claro e definido, ou não faça a operação, pq as perdas podem ficar bem acima do que vc está disposto a arriscar.

Em breve teremos uma versão do simulador onde será possível realizar esse tipo de informação tb.
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 23/05/2009 15:53:06
Se vc conseguir monta no mesmo strike, é muita vantagem , pois se vende serie atual e compra a serie seguinte , com o passar do tempo o theta come VE da serie atual, e na serie seguinte mantem o VE
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 23/05/2009 21:57:57
Ha tambem a modalidade de venda de opções cobertas.

Ou seja , conpra-se uma opção com pouco VE na serie posterior e vende-se uma opção com bastante VE na serie atual.
domenico (139 posts) respondeu em 25/05/2009 21:07:02
Nossa isso esta complicado d+ tem como explicar mais facilmente?
Danilo (446 posts) respondeu em 27/05/2009 07:47:08
Dominico,

operações de calendário são complexas mesmo, e é muita coisa para conseguir explicar apenas por texto.

tente ser mais direto à dúvida que vc quer saber para ver se consigo lhe auxiliar.
RNV (4 posts) respondeu em 28/06/2009 15:59:40
Ola amigos,
Essa operação - petrg36 e + petrh38, em que situação ela é vencedora, até sexta antes do vencimento o papel chega a 35,50 mas a opção continua otm, como eu desmonta? vou ter prejuizo? Vi o video de demonstração mas não entendi.
Obrigado.
Danilo (446 posts) respondeu em 29/06/2009 07:43:02
Olá RVN,

Operação de calendário é um pouco complexa e só recomendo que alguém a faça, depois que tiver experiência suficiente com opções para compreender bem as gregas e o efeito das variáveis que influenciam na formação de preço das opções.

Esse tipo de operação tem várias combinações diferentes (cada uma com um objetivo mas definido para aproveitar alguns cenário do mercado), a mais comum é como a que está no vídeo, e ela deixa três tipo de objetivos para se tirar melhor vantagem delas; o principal é buscar uma grande diferença de volatilidade implícita, o resto é meio como as outras operações em mesma série, porém o que disse mais acima é muito importante, principalmente ter uma ferramenta adequada para analisar esse tipo de operação.
Para desmontar, como outra qualquer, qdo atingir seu lucro previsto na montagem ou stop, eventualmente vc pode tb deixar a primeira virar pó e depois fica com as opções da série seguinte, esse caso é mais recomendado se vc acredita mais num movimento direcional de forte alta.
Como toda operação com opções e renda variável, vc pode ter resultado positivo ou negativo, algumas são um pouco menos arriscadas outras mais.
RNV (4 posts) respondeu em 30/06/2009 22:07:15
Por exemplo: se feito uma trava de calendario recebendo para montar: Petr4= 32 - petrg34 = 1,00 e + petrg36 = 0,50 então recebi 0,50 para montar. Se o papel cai a 31, 30, 28... os 0,50 que recebi continuam no bolso mas se o papel sobe e atinge os 34 zero a posição e saio com o lucro max. Acima dos 34 começa a dar prejuizo. Meu pensamento esta correto?
Obrigado
Danilo (446 posts) respondeu em 01/07/2009 09:39:18
Seu raciocínio está correto, porém o seu exemplo não é uma operação de calendário, e sim apenas uma trava de baixa simples.
Não se esqueça tb que esses cálculos que vc fez são para o vencimento, para zerar a posição antes do vencimento, mesmo com petr4 abaixo dos 34 a operação pode dar resultado negativo.
RNV (4 posts) respondeu em 01/07/2009 12:46:03
Danilo me desculpe, falta de atenção minha, a operação que eu queria ter passado é - petrg34 e + petrh36 e não petrg36.
Nesse caso meu raciocinio esta correto?.
Obrigado
Danilo (446 posts) respondeu em 01/07/2009 13:34:45
ai não...

nesse caso vc precisa fazer uma simulação para ter o controle da operação.

veja a orientação que dei dias atrás ao psb ("respondido em 29/6/2009 08:04:53")
RNV (4 posts) respondeu em 02/07/2009 13:28:26
Simulando uma trava de calendario com petr4 = 31,24 em 02/07
- petrg32 0,71 e + petrh34 0,76 pagando 50,00 / lote de 1000
O simulador diz que se o papel cair a 30 recebo 163,00 se cair a 28 perco 3,63 se subir a 32 lucro max. de 614,00 e se for a 34 preju. de 515,00. Mas vamos imaginar que por exemplo dia 07/07 a petr4 chega nos 32,00, e eu desmontar a operação recebo o lucro max. = 614,00 ?

Obrigado.
Danilo (446 posts) respondeu em 02/07/2009 13:58:33
para saber no dia 7/7 basta vc mudar os dias para o vencimento no simulador e calcular novamente.

Grande Gerente,

Se fosse para vender hoje qual venda coberta seria a ideal de petr4 ou vale5 a F32,34 ou 36. qual melho seri para se vender a seie F ou a G

Estou muito otimista pensando em deixar a venda para o final da proxima semana

até a vitória sempre

Danilo (446 posts) respondeu em 22/05/2009 18:53:43
olá psb

Em se tratando de taxa é sempre melhor vender na próxima série a vencer (a com vencimento mais perto).
Clicando ai em "Análise de Opções" e Venda Coberto, vc encontra uma lista com as opções para fazer venda coberto.

Claro que além da taxa vc deve analisar outros aspectos, como a tendência do ativo. Dependendo da sua necessidade e perfil pode ser que vc prefira, por exemplo pegar alguma opção com uma maior proteção, com ponto de equilíbrio mais forte (suporte da operação).

Mas em geral as opções que estão marcadas em azul no gerenciador de Venda Coberto são as que possuem as melhores TAXAS.

ps. desculpe-me só retornar agora, mas tive que sair e só retornei agora.
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 23/05/2009 16:00:35
Isto depende muito do tipo do operador.

Se quer taxa o ideal é lançar agora itm deixar exercer e lançar de novo na proxima.


se é para LP lançat tambem agora 2.a otm para rentabilizar a carteira
flaviomjr2005 (45 posts) respondeu em 02/02/2010 22:25:07

concordo


Sempre ouvi falar do tema acima, mas nunca deu muita bola , pois não interessava nada momento, orem agora que opero taxa, gostaria de saber como funciona , alguem sabe?? tem exemplos??

Danilo (446 posts) respondeu em 22/05/2009 13:53:14
Eu conheço operações em que vc vende a ação e compra a opção, mas desconheço esse termo que vc usou.
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 22/05/2009 13:58:50
Foi dar uma procurada la no site do bastter, para ver se acho e posto aqui
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 22/05/2009 15:16:53
Segundo o predador seria fazer uma trav de baixa maior que a posição de carteira,
ex:1000 petr
trava
vd 1600 opções 1.a itm
cp 1600 opções atm
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 22/05/2009 15:17:25
Bom é isto , comentem a aestraegia
Danilo (446 posts) respondeu em 22/05/2009 18:16:56
ok, não deixa de ser apenas uma reversão ou trava de baixa e uma compra a seco de ações.
na verdade se o objetivo for proteger as ações, mas não arriscar muito com uma possivel alta muito forte, basta vender um pouco menos tipo metade ou um terço das ações o efeito será parecido, mas com menos corretagem.
Agora se o objetivo é a reversão, então indeferi dos papeis, pois para defender as ações há outras alternativas melhores, e se for para aproveitar uma alta tb.

marsilva2007 (98 posts) respondeu em 23/05/2009 16:05:08
É tambem não entendi muito bem a estratégia do predador.
Mas como sou operador de taxa , estou tentando achar a ferramenta ideal , para estando vendido coberto visando taxa, para defender de uma alta aciama do meu tarjet.

Pois para a baixa defendo lançando com com proteçaõ

Me apresentando ao forum.
Sou investidor de LP, basicamente neste momento opero taxa em vale e´petr, com pequenos bois para defender a alta.
Tambem tenho na carteira smallcaps.
sdia4,fher3,embr3,eter3,hbts5,arcz6,beef3.

Estou operando taxa devido ao temor de realização forte.

Danilo (446 posts) respondeu em 22/05/2009 13:12:44
ok marsilva2007, grato por sua participação e seja bem-vindo.
satavares (7 posts) respondeu em 22/05/2009 14:26:04
marsilva,

nesse caso de queda forte a taxa não vai te proteger muito pouco?
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 22/05/2009 14:29:19
N queda forte acima de 10%, eu vou perder com todo o mercado., porem se cai 12 eu perco 10, e tem o recurso da rolagem tirando mais grana sem mudar o strike e melhorando um pouco a proteção
marsilva2007 (98 posts) respondeu em 22/05/2009 14:31:53
Corrigindo a resposta caindo 12 eu perco 2
smtrentim (3 posts) respondeu em 16/08/2009 15:10:30

Apresentando-me, sou investidor de LP em Petr / Vale e remunerando-as com opções, procurando não ser exercido. Utilizo o lucro das opções para aumentar a carteira de Vale / Petr e para comprar outras ações.

Fora Vale / Petr tenho (atualmente): bbas3, avil3, bbdc4, ggbr4, idnt3, gpcp3, strp4.  Procuro fazer a rotatividade desta carteira (vendendo para comprar outras ações que achar interessante) no limite mensal de R$20mil para evitar IR. Só não vendo as Petr e Vale (para poder utilizar opções), a menos que haja uma grande queda (stop).

Grande abraço a todos,

Mário

Danilo (446 posts) respondeu em 17/08/2009 07:38:03

Olá Mário, seja bem-vindo.


considerando a volatilidade da petr4 64,51% ao ano e a volatilidade mensal em 37,70%
a probabilidade é que a petr4 fique mais ou menos na cotação atual até o vencimento da serie F
favorecendo montar a operação alvo que descrevi no tópico abaixo
essa analise é correta?

Danilo (446 posts) respondeu em 22/05/2009 12:55:39
Veja, não necessariamente,

isso pq o mercado se ajusta a esta condição, com a volatilidade na faixa que vc mencionou o custo de montagem de mesma posição seria bem mais baixa, fazendo uma simulação com os valores atuais, alterando-se apenas a volatilidade para efeito de estressar o cenário no seu exemplo, essa mesma posição estaria custando algo entorno de 0,56, ou seja, bem abaixo dos 0,99 atuais, que vc citou.
Isso pq o risco é maior, então naturalmente, paga-se menos para se expor a este risco, ou na condição que vc colocou; paga-se mais para fazer a posição, pois em teoria a movimentação do ativo deve ser menor face a volatilidade menor.
Isso em teoria, claro. Na prática, vc pode se usar de análise gráfica para melhorar suas chances.
Com uma volatilidade mais alta seria possível fazer uma mesa mais longa pagando a mesma coisa ou até menos, ou vc poderia fazer uma mesa, fora no preço de contexto do preço atual, projetando o preço algo para o vencimento.

ficou claro o que quis explicar? qq coisa vc pergunta de vc, mas o ideal é colocar a operação no simulador e observar os efeitos causados pelas diversas possibilidade, estressando os cenários esperados.
e.cavalieri (50 posts) respondeu em 22/05/2009 13:08:01
danilo, mas a volatilidade atual não é a que eu mencionei?

volatilidade anual (252dias): 64,51%
volatilidade mensal (21 dias):37,70%
Danilo (446 posts) respondeu em 22/05/2009 13:18:36
sim, para a volatilidade atual voltar para 65% nos próximos dias, basta o mercado querer (ou aparecer uma notícia expressiva).

O ponto é que se por um lado pode ser mais favorável por um lado o mercado se ajusta por outro.

como o exemplo que vc deu, se, em teoria é mais provável uma mesa ser bem sucedida pq a volatilidade está mais baixa, por outro essa operação fica mais cara para montar, pois com a volatilidade mais alta o preço para montar a mesma operação seria menor.
assim como essa mesma operação se faltasse 1 dia para o vencimento, seria bem mais cara para montar, pois ficaria ainda mais provável que os preços ficassem perto disso.

ou seja o mercado equilibra os pontos.

« Anterior Page  1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 Próximo »
tópico normal normal
Muito visitado popular
Exibe sempre no Topo em destaque
Fechado para respostas exclusivo