Ombro-Cabeça-Ombro Invertido : análise técnica, como investir na bolsa de valores (Bovespa)

Ombro-Cabeça-Ombro Invertido

Ombro-Cabeça-Ombro Invertido (O.C.O.I.)

O que é, como usar e como analisar esse padrão gráfico da análise técnica (análise gráfica).

Na última lição começou-se a abordar a temática dos gráficos padrão. O gráfico analisado foi o gráfico «A cabeça e os ombros». Para este gráfico, tipicamente exemplificativo de um contexto de inversão de tendência, existe o seu simétrico. O gráfico «Cabeça e Ombros invertidos» (OCOI) ocorre numa situação de inversão de tendência em que o título passa de uma zona bearish a uma zona bullish. A cabeça e os ombros correspondem a mínimos da cotação do título. Geralmente, sempre que se atingem esses mínimos, o volume diminui, pois os vendedores não estão na disposição de vender os seus títulos a esse preço.

cabeça ombro cabeça invertido

Após o segundo ombro, quando a cotação do título quebra a linha de pescoço, o volume tipicamente aumenta. Os bulls tomam conta do mercado exercendo uma pressão compradora que leva à alta da cotação do título. O título entra então na zona bullish.

Seu nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
E-mail do seu amigo:
Sua mensagem (opcional):
Nome: Seu Email: (não será Publicado)
Site: (opcional)
Nofiticar por e-mail novos comentários neste tópico.

Rafael comentou:

Excelente exemplo, achei muito bom bem explicado pelo menos para um iniciante como eu..

Parabéns..!!!


 
Publicidade

Publico este de modo que possa ser útil a quem quiser saber mais sobre o tema. O assunto é complexo, mas vou tentar colocar de forma breve, mas extensiva a todos interessados.

Orientações de como calcular o imposto de renda para operações em bolsas. Isenções, forma de cálculo, o que é considerado ganho, o que pode ser abatido...

Há uma grande discussão nas universidades que já perdura por algum tempo sobre a racionalidade e a eficiência dos mercados. Os temas são complexos e importantes para quem deseja investir e quer saber se o preço de uma determinada ação está alto ou está baixo...

Relutamos na hora de escolher uma ação porque existe um conflito mental e natural entre o útil (necessidade) e o agradável (o prazer). O cerne da solução é conciliar os desejos emocionais de tal modo que não contrariem a racionalidade financeira...

Para apreciação de alguns e, talvez, irritação de outros, os gráficos e plataformas de operação são instrumentos valiosos para se acompanhar os mercados financeiros. Não consigo me afastar desses instrumentos...